Clicar Seminovos

CheckTudo


Novo Passat

21/12/2015 11:25:00 - fonte: Divulgação/Volkswagen
A sofisticação ganha uma nova categoria. A Volkswagen está lançando no Brasil o Novo Passat, que chega trazendo novo design, novas tecnologias, mais recursos de segurança, entretenimento e possibilidades.

Agora em sua oitava geração, o Novo Passat foi apresentado mundialmente no Salão de Paris de 2014 e eleito o Carro do Ano 2015 (Car of the Year 2015) na Europa em março deste ano. Ícone da Volkswagen, ao longo de suas gerações e das mais de 22 milhões de unidades produzidas em todo o mundo, o modelo evoluiu de forma constante, oferecendo sempre o melhor em sua classe.

O Novo Passat é produzido em Emden, Alemanha, e estará à venda no Brasil no início de 2016. Há 10 opções de cores para a carroceria (Azul Harvard, Azul Night, Bege Sund, Branco Puro, Cinza Indium, Marrom Oak, Prata Sargas, Prata Tungstênio, Preto Mystic e Vermelho Crimson), e três para o revestimento de couro dos bancos (bege, marrom e preta). O sedã tem três anos de garantia total.

Exterior. O Novo Passat foi criado com base na Matriz Modular Transversal (MQB). Graças a essa plataforma, as proporções foram elaboradas para ser significativamente mais dinâmicas (incluindo carroceria mais baixa, maior distância entre-eixos, rodas maiores) e seu pacote interno foi melhorado.

foto: Divulgação/ Volkswagen
imagem610 (5).jpg

Preservando todas as suas virtudes funcionais, o Novo Passat ganhou visivelmente em presença, exclusividade e dinamismo. Mesmo à noite o Novo Passat tem um olhar inconfundível graças aos seus novos faróis de LED (itens de série na versão Highline) e às lanternas traseiras de LED.

Com o Novo Passat, a Volkswagen revela um design que combina clareza elegante a uma imagem poderosa. Cada linha no desenho do Passat tem um propósito. É um projeto que vai deixar marca na história.

Interior. Da mesma forma que seu exterior, o interior do Novo Passat foi desenvolvido com estética, clareza e elementos aprimorados para compor com o sofisticado conceito geral dessa oitava geração.

Com base em inúmeras novas soluções de design, como a faixa horizontal contínua que abrange os difusores de ar e recursos de bordo – incluindo o novo Painel Digital Programável (Active Info Display) e um discreto filete de iluminação ambiente – o interior tem aparência mais vanguardista e exclusiva do que nunca.

foto: Divulgação/ Volkswagen

imagem610 (3).jpg

Duas versões. A Volkswagen lança o Novo Passat no mercado brasileiro em duas versões de acabamento: Comfortline e Highline. O modelo traz, em ambas as versões, sistema start-stop (que desliga e liga o motor em paradas de semáforo, por exemplo, para economizar combustível).

Comfortline. O Novo Passat Comfortline traz itens como bancos dianteiros com aquecimento e regulagem elétrica do encosto do motorista, seis airbags (dianteiros, laterais e tipo cortina), ar-condicionado Climatronic com três zonas de resfriamento – motorista, passageiro e ocupantes do banco de trás –, iluminação em LED na região dos pés, relógio analógico no painel, sistema Kessy (acesso ao veículo sem uso de chave e partida por botão no console) e sistema de infotainment Discover Media, com tela sensível ao toque (touchscreen) de 6,5”, colorida, de alta resolução e conectividade avançada com os smartphones por meio da tecnologia Volkswagen App-Connect.

Há ainda porta-luvas refrigerado, apoio de braços central dianteiro com porta-objetos, o exclusivo Easy Open – recurso que permite a abertura do porta-malas por meio de sensor posicionado sob o para-choque traseiro – e luzes de condução diurna.

O Novo Passat Comfortline traz volante multifuncional com revestimento de couro e comandos do rádio, computador de bordo e controlador automático de velocidade, além de rodas de liga leve de 18 polegadas e desenho Dartford, com pneus autosselantes nas medidas 235/45 R18.

Como opcional o Novo Passat Comfortline oferece teto solar elétrico panorâmico.

Highline. Além dos itens oferecidos na versão Comfortline, o Passat Highline integra bancos dianteiros com ajuste elétrico, aquecedor e apoio lombar com massageador para o motorista; memória para o banco do motorista e função “easy entry” – que recua automaticamente o banco para ampliar a área de acesso ao veículo e o retorna à posição original; câmera traseira de auxílio ao estacionamento e retrovisores externos elétricos com memória do lado do motorista.

Os faróis são totalmente em LEDs com sistema DLA (Assistente de Luz Dinâmica para o facho alto). O volante multifuncional inclui as aletas (shift paddles) para troca de marchas. Os bancos são revestidos em couro Nappa.

Como opcional, o Passat Highline pode ser equipado com o pacote Premium, que integra o sistema de infotainment Discover Pro, com tela sensível ao toque (touchscreen) de 8 polegadas e som Dynaudio Confidence de 700 watts (com 11 alto-falantes); sistema Pro-Active, Park Assist 3.0, Controle de Cruzeiro Adaptativo (ACC), Painel Digital Programável (Active Info Display) e Assistente de Mudança de Faixa (Side Assist).

Também é opcional para o Novo Passat Highline o teto solar elétrico panorâmico.

Sistemas de assistência e direção

Mais comodidade e segurança. Novos sistemas de assistência, infotainment e conveniência tornam a mobilidade mais sustentável, em rede e comunicativa; eles também passam a desempenhar papel ativo no processo de condução, tornando-o ainda mais seguro. O Passat avançou para se tornar um veículo cujas tecnologias avançam além dos limites do segmento.
Essas tecnologias incluem recursos como Front Assist com City Emergency Braking e Rear Traffic Alert (Alerta Traseiro de Tráfego).

Motor mais potente

O Novo Passat é equipado com o motor 2.0 TSI BlueMotion Technology de 220 cv, disponíveis já a partir de 4.500 rpm até 6.200 rpm – ganho de potência de 9 cv sobre a geração anterior.
Os motores TSI se destacam por seu baixíssimo consumo de combustível, alta potência e elevado torque a partir de baixas rotações. O Novo Passat dispõe de excelentes 35,7 kgfm (350 Nm), ganho de expressivos 7 kgfm (70 Nm) sobre a versão anterior (28,6 kgfm, ou 280 Nm).

O Novo Passat exibe desempenho arrebatador, acelerando de 0 a 100 km/h em apenas 6,7 segundos (ante 7,6 segundos da versão anterior) e atingindo a velocidade máxima de 246 km/h (contra 210 km/h).

Dimensões. O Novo Passat mede 4.767 mm de comprimento – é, portanto, dois milímetros mais curto que a geração anterior. Ao mesmo tempo, a distância entre-eixos foi alongada em 79 mm, passando a 2.791 mm.

As rodas dianteiras foram deslocadas 29 mm em direção ao para-choque dianteiro, e as rodas traseiras, 17 mm em direção ao para-choque traseiro (o habitáculo foi alongado em 33 mm).

O resultado: balanços (distância entre o centro da roda e a extremidade do veículo) mais curtos (redução de 67 milímetros na dianteira e de 13 milímetros na parte traseira).

Ao mesmo tempo, o Novo Passat teve a altura reduzida em 14 mm (1.456 mm) e ganhou 12 mm na largura (1.832 mm). Essas dimensões permitiram uma relação de proporções que formaram as condições ideais para a criação de um projeto tão poderoso quanto exclusivo.

Faróis de LED. A Volkswagen desenvolveu um sistema de iluminação inteiramente novo para o Passat de oitava geração. A versão Highline vem equipada de série com faróis de LEDs (diodos emissores de luz) com tecnologia de projeção.

Dois discretos módulos de lentes projetam a luz na via, gerando claridade semelhante à luz do dia. O componente central desses faróis é o módulo externo multi-fachos. Além dos fachos baixo e alto (com adaptação de luz), os faróis também geram as luzes dinâmicas de conversão.

O módulo de lentes interno de facho plano é responsável ela chamada “iluminação de campo próximo”. Outro destaque dos faróis de projeção de LEDs são as luzes de condução diurnas com 32 LEDs. Sua assinatura consiste de dois módulos separados: um “U” grande (que incorpora esses dois módulos) e um “U” menor, que contorna os módulos multi-facho. Entre as luzes de condução diurna, o largo indicador (12 LEDs) enfatiza o desenho do farol. Os LEDs dos indicadores de direção estão colocados na parte interna do farol.

Os faróis de LEDs são complementados com o recurso Dynamic Light Assist (Assistente de Luz Dinâmico, DLA). Controlado por meio de uma câmera, o DLA detecta veículos trafegando em sentido contrário ou à frente do Novo Passat, coordenando a distribuição de luz dos faróis, evitando ofuscamento.

Luzes traseiras. O Novo Passat traz luzes traseiras todas em LED. Na versão Comfortline, as luzes traseiras e as funções de freio e indicadores de direção são realizadas na parte exterior dos módulos de luz. O segmento interno (tampa do porta-malas) integra as luzes de marcha à ré e lanternas de neblina.

A versão Highline traz conjunto ótico traseiro diferenciado. Durante a frenagem, a assinatura de luz na posição horizontal passa à posição vertical, causando efeito visual que chama a atenção dos demais condutores, contribuindo para a segurança do tráfego. Junto com as luzes traseiras e luzes de freio, os módulos de luz traseiros laterais também integram a luz indicadora. No módulo interno estão as luzes de direção e de neblina.

Mais espaço a bordo. A Matriz Modular Transversal (MQB) tornou possível melhorar ainda mais o espaço interno. Embora o Novo Passat seja 2 mm mais curto do que o anterior, em seu interior o comprimento cresceu 33 mm. Agora os ocupantes do banco traseiro têm 116 mm de espaço para os joelhos, em relação aos bancos dianteiros.

O porta-malas também cresceu, ganhando 21 litros de capacidade para bagagens, agora totalizando 586 litros.

Saídas de ar em formato horizontal. A meta definida quando foi iniciado o desenvolvimento do Novo Passat, da criação de uma sensação de leveza e de espaço generoso no interior, foi realizada pelos designers com um painel leve, com estrutura horizontal consistente – e os painéis de portas dianteiras também estão estilisticamente incorporados a essas premissas.

O elemento central de design no painel é a inovadora saída de ar, que se estende por toda a largura do interior e foi concebida como um elemento decorativo funcional. Não há ali saídas de ar separadas – mas sim um elemento contínuo somente interrompido pelos instrumentos e pelo relógio analógico, unificando forma e função. O claro caráter arquitetônico é criado pelo imponente comprimento das aletas cromadas integradas às saídas de ar, com um painel decorativo integrado abaixo. As dimensões das saídas de ar não afetam apenas a concepção do painel de instrumentos, mas também têm efeito positivo sobre o desempenho do controle de temperatura e acústica.

Painel Digital Programável (Active Info Display). No Novo Passat, a Volkswagen está estreando um quadro de instrumentos totalmente digital: o Painel Digital Programável (Active Info Display). Todos os instrumentos são implementados virtualmente via software. Somente as luzes/ícones na borda inferior do mostrador são implementados em hardware.

Informações de navegação podem ser mostradas em 2D ou 3D, em uma tela de 12,3 polegadas. Sua resolução de 1.440 x 540 pixels permite gráficos extremamente precisos e de alta qualidade. Por exemplo, o modo de navegação: nesse caso, o velocímetro e conta-giros são deslocados para os lados, a fim de criar mais espaço para o mapa.

As informações sobre as funções de condução, de navegação e de assistência podem ser integradas em áreas gráficas do velocímetro e conta-giros, conforme necessário. Dados que são exibidos no console central pelo sistema de infotainment, como contatos de telefone ou capas de CD, também podem ser exibidas no Painel Digital Programável.

Easy Open. Como parte do sistema Kessy, de abertura das portas sem chave e partida do motor por botão, o Easy Open permite a abertura do porta-malas com apenas o movimento do pé na parte de trás do veículo. Há um sensor de proximidade sob o pára-choques, que detecta o movimento.
 
Novo Passat estreia recursos inéditos de tecnologia e segurança e traz motor mais potente

Agora em sua oitava geração, o Novo Passat foi criado com base na Matriz Modular Transversal (MQB) e ganhou novos sistemas de assistência, infotainment e conveniência tornam a mobilidade mais sustentável, em rede e comunicativa; eles também passam a desempenhar papel ativo no processo de condução, tornando-o ainda mais seguro. O Passat avançou para se tornar um veículo cujas tecnologias estão além dos limites do segmento.

Essas tecnologias incluem recursos como Front Assist com City Emergency Braking e Rear Traffic Alert (Alerta Traseiro de Tráfego).

Duas versões. A Volkswagen lança o Novo Passat no mercado brasileiro em duas versões de acabamento: Comfortline e Highline. O modelo traz, em ambas as versões, sistema start-stop (que desliga e liga o motor em paradas de semáforo, por exemplo, para economizar combustível).

Expressivos ganhos em potência e torque

O Novo Passat é equipado com o motor 2.0 TSI BlueMotion Technology de 220 cv, disponíveis já a partir de 4.500 rpm até 6.200 rpm – ganho de potência de 9 cv sobre a geração anterior.

Os motores TSI se destacam por seu baixíssimo consumo de combustível, alta potência e elevado torque a partir de baixas rotações. O Novo Passat dispõe de excelentes 35,7 kgfm (350 Nm), ganho de expressivos 7 kgfm (70 Nm) sobre a versão anterior (28,6 kgfm, ou 280 Nm).

Da terceira geração da família EA888, esse motor tem 1.984 cm3 de cilindrada e combina injeção direta de combustível ao turbocompressor, o que permite o downsizing (redução da cilindrada, com excelente desempenho), de forma a entregar muito prazer ao dirigir e alta eficiência energética.

O Novo Passat exibe desempenho arrebatador, acelerando de 0 a 100 km/h em apenas 6,7 segundos (ante 7,6 segundos da versão anterior) e atingindo a velocidade máxima de 246 km/h (contra 210 km/h).

Gerenciamento térmico eficiente. O novo sistema totalmente eletrônico de resfriamento do TSI permite um gerenciamento térmico significativamente melhor, com fase de aquecimento mais curta – isso reduz as emissões nesse estágio e as perdas por atrito, melhorando a economia de combustível. Um novo módulo rotativo de aletas foi desenvolvido para o controle térmico inteligente. Ele possibilita bloquear totalmente a entrada do líquido de arrefecimento no motor ou utilizar um fluxo volumétrico mínimo na fase de aquecimento. Com o motor quente, a temperatura do fluido pode ser ajustada rapidamente a vários níveis, em função da carga do motor e outros fatores externos.

Novo cabeçote. Uma característica desse motor é o sistema de circulação dos gases de escapamento refrigerado a água, totalmente integrado ao cabeçote do motor. Esse tipo de arrefecimento dos gases contribui para melhorar o consumo de combustível a plena carga do Novo Passat.

Além disso, o motor tem variação do tempo de abertura das válvulas com duplo comando ajustável. A elevação das válvulas de escape pode ser ajustada em dois níveis, permitindo o controle ideal do processo de troca na admissão para melhor desempenho, economia e baixas emissões.

Sistema duplo de injeção de combustível. O motor traz sistema de injeção duplo (combinando injeção direta – na câmara de combustão – e injeção multiponto – no coletor de admissão). Como o sistema pode escolher o tipo de injeção ideal para cada momento, permite reduzir as emissões em uma ampla gama de utilizações, diminuindo simultaneamente o consumo de combustível.

Redução de peso

O Novo Passat foi criado com base na Matriz Modular Transversal (MQB), que explora sinergias entre segmentos de veículos, tais como avanços em medidas de redução de peso. O chassi teve seu peso reduzido por meio da utilização de metais mais leves.

A construção progressiva com aços de ultra-alta resistência e conformados a quente (utilizados em 27% da estrutura do Novo Passat) ajudaram a reduzir peso. Pela primeira vez no Passat, alumínio também foi usado na estrutura. No total, a carroceria ficou 24 kg mais leve.

O peso do motor também foi reduzido. Uma grande parte da redução deve-se ao novo cárter, ao virabrequim com peso reduzido, a refrigeração dos gases de exaustão através da integração do coletor de escape ao cabeçote dos cilindros, bandeja de óleo plástica e o uso de parafusos de alumínio.

Apesar da redução de peso, foram feitas melhorias importantes na rigidez torcional do Novo Passat, com ganho 2.000 Nm/° (agora de 30.000 Nm/°).

Aspectos-chave – tecnologias

Inovações técnicas do Novo Passat

O Novo Passat traz tecnologias como o Painel Digital Programável (Active Info Display), Front Assist com City Emergency Braking e Rear Traffic Alert (Alerta Traseiro de Tráfego).

Sistemas de infotainment. O Novo Passat traz os sistemas de infotainment de segunda geração da Volkswagen. Os mais recentes sistemas de infotainment desta plataforma modular (MIB2) permitem o máximo de conectividade na conexão de dispositivos externos. Suas várias interfaces incluem uma para smartphones e apps relacionados via plataformas MirrorLink®, Apple CarPlay e Android Auto (Google).

Os sistemas de infotainment também têm processadores mais rápidos (inicialização, cálculo de rota mais rápido, resposta mais suave aos comandos da tela, diálogos de voz aperfeiçoados) e novos monitores com resolução mais alta. De série, o Novo Passat traz telas de 6,5 polegadas e o sistema Discover Media, com opção de tela de 8 polegadas no sistema Discover Pro.

O sistema Discover Media permite conectividade avançada com os smartphones por meio do App-Connect. Também oferece ampla interatividade, com várias opções de informação e entretenimento, além de visual moderno e tecnológico. Traz também os recursos de comando de voz e navegação integrados, que se destacam pela facilidade de uso e interatividade com o painel de instrumentos, possibilitando uma condução mais segura e confortável. Esse sistema contempla o “MapCare”, que permite a atualização periódica gratuita da base de mapas. Fotos, vídeos e músicas em diversos formatos são alguns exemplos de mídias que podem ser “lidas”.

Para a configuração Highline do Novo Passat há a opção do sistema Infotainment “Discover Pro”, que além de todos os recursos do “Discover Media”, traz tela sensível ao toque de 8 polegadas, DVD Player e HD interno de 60 gb compartilhado.

Independentemente do sistema de Infotainment, praticamente todos os comandos podem ser executados pelos botões no volante multifuncional, ou por comandos de voz. É possível selecionar as mídias (CD, SD-Card, Bluetooth, entradas auxiliar e USB), operar o telefone e o sistema de navegação apenas utilizando a voz.

Sistemas de assistência e conveniência

Park Assist 3.0. O Novo Passat traz a evolução do sistema de assistência ao estacionamento: Park Assist 3.0, que permite estacionamento semiautomático em vagas paralelas ou perpendiculares à via – é capaz inclusive de tirar o carro da vaga (estacionamentos paralelos).

E, pela primeira vez, o Park Assist pode ser usado também para estacionar o carro de frente em vagas perpendiculares. O sistema pode até frear o carro, caso o motorista não o faça, como forma de evitar colisões.

Assistente de Mudança de Faixa (Side Assist) com Alerta Traseiro de Tráfego (Rear Traffic Alert). Esse sistema contribui para aumentar a segurança do Novo Passat em duas situações. Primeiro, ao detectar veículos passando pela lateral do Novo Passat, como em uma ultrapassagem, ou no chamado “ponto cego”, alertando o motorista. Sua segunda função opera na saída de vagas perpendiculares: os sensores identificam veículos se aproximando da lateral do Novo Passat. O sistema emite alertas visual e sonoro. Caso o motorista ignore o alerta e houver risco de colisão, o sistema pode iniciar uma intervenção nos freios.

Sistema “Pro Active” (Proteção proativa dos passageiros). Caso o sistema proativo de proteção detectar uma situação de acidente potencial – como uma forte frenagem –, os cintos de segurança do motorista e do passageiro da frente são automaticamente pré-tensionados para assegurar a melhor proteção possível pelos airbags e sistema de cintos. Quando uma situação de condução altamente crítica e instável é detectada – como uma forte escapada de frente ou de traseira em que haja intervenção do Controle eletrônico de estabilidade “ESC” – as janelas laterais (deixando uma pequena abertura) e o teto solar são fechados. Explicação: Quando as janelas e o teto estão quase totalmente fechados, os airbags de cabeça e laterais proporcionam o máximo de absorção de energia, alcançando assim o mais alto nível de proteção possível.

ACC, Controle Automático de Velocidade e Distância (Adaptive Cruise Control). O Novo Passat pode ser equipado com a nova versão do Controle Automático de Velocidade e Distância, ACC. Esse sistema usa um sensor de radar integrado à dianteira do carro para manter velocidade selecionada pelo motorista, assim como uma distância pré-definida do veículo à frente, freando ou acelerando em função do tráfego – e é capaz de frear até a imobilidade quando o carro da frente para, mas sob a condição de que o motorista mantenha as mãos no volante e participe da condução, para que possa intervir a qualquer momento.

Nessa versão do Novo Passat, quando acionado o ACC monitora veículos trafegando na faixa da esquerda em rodovias e não realiza ultrapassagens pela faixa da direita, de forma a reduzir o risco de colisões laterais. O motorista pode a qualquer momento assumir o controle do veículo  e conduzi-lo da forma que desejar.

Após acionado pelo motorista, o ACC do Novo Passat também pode arrancar novamente de forma automática. A dinâmica do sistema pode ser modificada individualmente pela seleção de um dos programas de direção do seletor de perfis.

Front Assist (Sistema de monitoramento frontal) com City Emergency Braking. O Front Assist usa um sensor por radar integrado à frente do carro que monitora constantemente a distância dos veículos adiante. O Front Assist ajuda o motorista em situações críticas pré-condicionando o sistema de freios e alertando o condutor por meio de sinais (visual ou sonoro) – ou, em um segundo estágio, por meio de um breve solavanco. Caso o motorista não freie forte o suficiente, o sistema automaticamente gera força de frenagem para tentar evitar uma colisão.

Se ainda assim o motorista não reagir, o Front Assist freia o carro automaticamente para proporcionar mais tempo para reação. Teoricamente, isso permite que o motorista evite uma colisão iminente ou, pelo menos, reduza a velocidade do impacto. O sistema também auxilia o motorista dando um sinal caso o carro se aproxime demais do veículo à frente.

A função City Emergency Braking é uma extensão do Front Assist. Usando um sensor por radar, ela monitora a área à frente do carro. O sistema funciona abaixo de 30 km/h. Se houver perigo de colisão com um veículo andando ou parado à frente do carro e o motorista não reagir, o sistema de freios é pré-condicionado da mesma forma que com o Front Assist. Se necessário, o City Emergency Braking começa a frear com força para reduzir a severidade do impacto. O City Emergency Braking pode evitar uma colisão frontal iminente no último segundo.

Sistema de Frenagem Automática Pós-Colisão (Automatic Post-Collision Braking System). O Novo Passat é equipado com o Sistema de Frenagem Automática Pós-Colisão, que aciona automaticamente os freios do veículo quando ele se envolve em uma batida, para reduzir a energia cinética residual. O acionamento do sistema de frenagem pós-colisão se baseia na detecção da colisão inicial pelos sensores dos airbags.

O sistema aplica os freios até que o veículo atinja a velocidade de 10 km/h. A velocidade residual do carro pode ser usada para conduzi-lo a um local seguro. A frenagem do veículo pelo sistema é limitada pela unidade de controle do ESC a uma desaceleração máxima de 0,6 m/s. Esse valor é igual ao nível de desaceleração do City Emergency Braking e permite que o motorista possa assumir o comando do carro mesmo na ocorrência da frenagem automática.

O motorista pode se “sobrepor” ao sistema a qualquer momento – se os sensores perceberem que o motorista está acelerando, por exemplo, o sistema é desligado. O recurso automático também é desativado se o motorista começar a frear fortemente, a um grau de desaceleração mais elevado.

Suspensões. O Novo Passat é equipado na dianteira com a mais recente geração da suspensão McPherson. As molas helicoidais são integradas a amortecedores telescópicos. As rodas estão suspensas por meio das estruturas de molas e braços triangulares inferiores.

Todos os componentes foram reformulados para melhor funcionalidade e peso. Isso foi tornado possível, por exemplo, através da utilização de aço de alta resistência nas ligações transversais.

O sub-chassi é posicionado centralmente sobre o eixo dianteiro; sua estrutura, projetada para máxima rigidez transversal, lida com cargas a partir dos suportes do motor e direção, bem como componentes da suspensão dianteira.

Agora totalmente tubular e, portanto, mais leve, a barra estabilizadora tem índice de flexão especificamente adaptado para garantir condução confortável e ágil ao novo Passat. Os coxins são vulcanizados diretamente na barra estabilizadora, assegurando excelente comportamento acústico e otimizando as respostas do componente, importantes para o comportamento dinâmico do carro.

Um novo pivô de alumínio foi desenvolvido para o Passat. A utilização de alumínio e o design biônico desse suporte permitiram uma nova redução de peso. Por último, as características da suspensão e índices de molas foram adaptadas ao Novo Passat, em combinação à bitola 30 mm maior.

Eixo traseiro modular. Na traseira, a suspensão reforçada – um eixo independente com quatro pontos de fixação – proporciona alto nível de conforto e movimentação ágil e segura do chassi. Essa suspensão foi reformulada a partir das perspectivas de melhoria das movimentações, acústica, peso e modularidade. No entanto, nada mudou em relação à sua premissa de tratar separadamente rigidez longitudinal e transversal. A baixa rigidez longitudinal foi preservada pelo controle suave do eixo pelo elemento de arrasto; esta era uma pré-condição necessária para melhorar ainda mais o conforto.

Além disso, a Volkswagen melhorou com sucesso a rigidez transversal, o que é fundamental para o comportamento da direção. Mudanças-chave no eixo traseiro são as conexões da barra estabilizadora tubular e do amortecedor, que agora são feitas na junta da mola. Isso reduz as forças dentro do eixo; há também vantagens significativas em aspectos de fixação e tamanho.

Em complemente, o eixo foi feito mais leve graças a melhorias estruturais de muitos componentes e a utilização de aços de alta resistência.

XDS+. O Novo Passat é equipado com o sistema XDS+ (bloqueio eletrônico do diferencial), como função integrada ao controle eletrônico de estabilidade (ESC) para melhorar o comportamento dinâmico do carro. O XDS+ é uma evolução do XDS, já conhecido do modelo anterior. Sua atuação foi estendida agora para cobrir todas as situações em que o carro não está sendo freado.

O novo sistema aumenta a agilidade e diminui a necessidade de movimentação do volante por meio de intervenções seletivas nos freios das rodas internas às curvas nos dois eixos. Além disso, o XDS+ funciona com quaisquer condições de aderência do piso. Isso resulta em uma dirigibilidade mais precisa. As conhecidas vantagens do XDS, como as saídas de frente consideravelmente reduzidas e a melhor tração, também foram aperfeiçoadas.

DCC (Controle Dinâmico do Chassi). A segunda geração do DCC (Controle Dinâmico do Chassi) é utilizada no Novo Passat. O sistema oferece cinco modos de condução: ‘Comfort’, ‘Normal’, ‘Eco’, ‘Individual’ e ‘Sport’, selecionados por meio de um botão no console central, ao lado da alavanca de câmbio.

No perfil ‘Eco’, o gerenciamento do motor, ar-condicionado e outras unidades auxiliares são controlados para otimizar o consumo, com a função adicional de rolagem. Quando o motorista solta o pedal do acelerador, como ao reduzir a velocidade em um semáforo ou em descidas, o câmbio DSG é desacoplado e o motor entra em marcha lenta.  Isso permite a melhor utilização possível da energia cinética do carro. 

No modo ‘Sport’, por outro lado, as respostas do motor e pontos de troca das marchas da transmissão automática DSG de 6 velocidades com função Tiptronic são configuradas para maior dinamismo.

No modo ‘Comfort’ todo as excepcionais qualidades de rodagem confortável do Novo Passat são realçadas. Também é possível, por meio do perfil ‘Individual’ atribuir quaisquer outras propriedades de perfil de condução ao modo de DCC.

O sistema DCC controla as válvulas dos amortecedores de forma eletrônica, por meio de um algoritmo avançado, definindo assim a carga de amortecimento adequada à situação. O DCC utiliza os sinais a partir de sensores de deslocamento das rodas e acelerômetros, além de informações sobre o veículo da rede de computadores; em ciclos de um milissegundo, utiliza esses valores para calcular e ajustar de forma adaptativa a carga de amortecimento. As forças de amortecimento aplicadas seletivamente às quatro rodas são reguladas individualmente.

Exclusivamente em combinação com o DCC, novas conexões hidráulicas são usadas no eixo traseiro para ligar o braço de controle ao sub-chassi. Isso melhora ainda mais as características de vibração, especialmente através de melhor amortecimento.

Novo Passat traz nova referência de design entre sedãs de luxo

O Novo Passat foi criado com base na Matriz Modular Transversal (MQB). Graças a essa plataforma, as proporções foram elaboradas para ser significativamente mais dinâmicas (incluindo carroceria mais baixa, maior distância entre-eixos, rodas maiores) e seu pacote interno foi melhorado.

Preservando todas as suas virtudes funcionais, o Passat ganhou visivelmente em presença, exclusividade e dinamismo. Clareza e força – esses dois elementos se fundem no exterior do Passat de oitava geração para criar um design que transmite exclusividade.

Evolução estilística

Desde o início. A Volkswagen tem aperfeiçoado continuamente o Passat há mais de quatro décadas. Internamente, as agora oito gerações são designadas pelos códigos de B1 (primeira) a B8 (Novo Passat). Na Volkswagen, a letra B representa o segmento ao qual o Passat pertence e o número indica a geração do carro. Em retrospectiva, o estilo do carro foi influenciado principalmente pelo B1, o modelo original, de 1973, e pelas gerações a partir do B5 (1996).

A Volkswagen introduziu uma mudança de paradigma no Passat “B5”. Enquanto todas as gerações anteriores eram carros equilibrados que ofereciam um elevado nível de conforto, excelentes características para o uso diário e espaço interno acima da média, nessa quinta geração a qualidade e o design deram um salto à frente, posicionando o Passat no topo de sua classe. Esse caminho foi seguido de forma consistente e com sucesso pelo B6 (de 2005) e o B7 (a partir de 2010).

Proporções de tirar o fôlego. A partir dessa história de sucesso, Klaus Bischoff, Chefe de Design da Volkswagen, e sua equipe elaboraram a seguinte pergunta ao iniciar os trabalhos com o B8: “O que precisamos fazer para tornar um dos carros mais vendidos do mundo ainda mais atraente visualmente?” A resposta foi clara: “proporções de tirar o fôlego.”

A equipe foi capaz de atingir esse objetivo de forma mais consistente do que nunca porque uma plataforma inteiramente nova estava disponível para o Passat: a Matriz Modular Transversal (MQB).

Embora tenha quase o mesmo comprimento do modelo anterior, sua distância entre-eixos cresceu consideráveis 79 mm. As rodas estão maiores e posicionadas mais nas extremidades, o que encurtou os balanços dianteiro e traseiro.

Ao mesmo tempo, o Passat ficou mais baixo e largo. Graças a mudanças no posicionamento do motor, foi possível reduzir o capô e deslocar o para-brisas para trás. Esse desenho de “cabine para trás” somado às belas proporções resultaram num capô bem construído. Também era claro que o novo Passat deveria obter proporções mais dinâmicas.

Mas só isso não definiria todo o estilo do design. Conforme explica Klaus Bischoff: “No Novo Passat queríamos evoluir de classe, tornando-o um veículo maior. Nosso objetivo foi desenvolver esculturalmente o potencial desse veículo. Para mim era importante desenvolver temas de design significativos que irradiassem uma presença visual marcante e expressassem o poderoso caráter esportivo do Novo Passat.”

Design exterior e detalhes

Dimensões. O Novo Passat mede 4.767 mm de comprimento – é, portanto, dois milímetros mais curto que a geração anterior. Ao mesmo tempo, a distância entre-eixos foi alongada em 79 mm, passando a 2.791 mm.

As rodas dianteiras foram deslocadas 29 mm em direção ao pára-choque dianteiro, e as rodas traseiras, 17 mm em direção ao pára-choque traseiro (o habitáculo foi alongado em 33 mm).

O resultado: balanços (distância entre o centro da roda e a extremidade do veículo) mais curtos (redução de 67 milímetros na dianteira e de 13 milímetros na parte traseira).

Ao mesmo tempo, o Passat teve a altura reduzida em 14 mm (1.456 mm) e ganhou 12 mm na largura (1.832 mm). Essas dimensões permitiram uma relação de proporções que formaram as condições ideais para a criação de um projeto tão poderoso quanto exclusivo.

Perfil lateral com distinta linha de caráter. Quem olhar para o Novo Passat pela primeira vez notará seu desenho refinado como o de um carro de altíssimo luxo. A imagem exclusiva do Novo Passat foi alcançada, em parte, por uma ampla variedade de vincos e arestas extremamente precisos que desenvolvem superfícies refletivas ao longo de sua carroceria.

Especialmente distinta no perfil lateral é a área entre o parapeito da janela (sob os vidros laterais) e a chamada linha de caráter (na altura das maçanetas). Aqui, as arestas e vincos na área superior dos painéis laterais se fundem para formar uma superfície horizontal a partir da qual – visto da dianteira para a traseira – os “ombros” distintos e atléticos do Novo Passat se desenvolvem.

A linha de caráter começa na parte da frente como um prolongamento da borda superior do farol dianteiro, em seguida é brevemente interrompida pelo proeminente arco da caixa de roda dianteira e então sobe ligeira e continuamente para a traseira do carro (as janelas e as colunas inclinam-se para dentro, como em um carro esporte).

Entre o parapeito da janela e a linha de caráter há uma alternância de superfícies claras. Essa modulação é subdividida em duas áreas. A área superior na parte da frente faz uma grande superfície côncava que se estreita em direção à coluna traseira (“C”). Abaixo desta, há uma área que corre na direção oposta; ela começa larga na parte de trás como um ombro poderosamente arqueado e corre para a frente; isso faz com que a lateral do carro pareça mais em forma de cunha. A linha de ombro e o poderoso arco da roda traseira são enfatizados por esse intenso jogo de superfícies de luz e sombra.

Altíssima precisão também na produção. Os designers colocaram as maçanetas diretamente na linha de caráter, formando outro vinco – uma escultura altamente precisa que requer métodos de produção igualmente precisos. E até agora esse know-how é uma solução exclusiva da Volkswagen.

Abaixo da linha de caráter estão as superfícies das portas, que se alargam para fora e para os arcos de rodas. Na parte inferior, o perfil lateral é delimitado pelas soleiras. Entre as superfícies da porta e a transição para as soleiras existe outra dobra com uma alternância de curvatura que gera mais uma superfície de luz. Essa superfície luz continua pelas laterais e pelo pára-choque traseiro. A interação de linhas e superfícies de luz reduz visualmente a altura do Novo Passat.

Como resultado de todos os trabalhos nas superfícies, quando observado lateralmente o Novo Passat transmite a sensação de estar mais longo nesta geração. Mas, na verdade, está 2 mm mais curto em relação ao anterior.

Dianteira tem presença inconfundível. O Novo Passat traz na dianteira desenho inconfundível. A grade foi concebida para ser maior do que os faróis. Tanto na versão Comfortline quanto na Highline essa seção tem quatro barras cromadas. Nas laterais, essas barras se dobram em direção aos faróis em uma forma trapezoidal. A barra inferior continua ao longo dos faróis. Acima da grade e dos faróis há outro filete cromado que se estende por toda a dianteira e continua lateralmente pela linha de caráter (versão Highline).

Os faróis e a grade seguem o DNA de design da Volkswagen com seu alinhamento horizontal, passando a sensação de ser peça única. Os designers também trabalharam em ângulos diagonais para gerar uma imagem imponente, proeminente e inconfundível da dianteira do Novo Passat.

Um rosto na multidão. O “rosto” em si – a barra transversal constituída pela grade e pelos faróis – reforça a imagem superior do Passat com sua forte presença. Na versão Highline, o filete cromado ressalta ainda mais esse efeito dinâmico. A borda dobrada abaixo da grade e dos faróis segue o curso superior do radiador e dos faróis como uma linha. Os contornos da grade do radiador e os faróis são refletidos na área inferior do para-choque. Os faróis de neblina são dispostos nas extremidades inferiores.

Faróis de LED. A Volkswagen desenvolveu um sistema de iluminação inteiramente novo para o Passat de oitava geração. A versão Highline vem equipada de série com faróis de LEDs (diodos emissores de luz) com tecnologia de projeção.

Dois discretos módulos de lentes projetam a luz na via, gerando claridade semelhante à luz do dia. O componente central desses faróis é o módulo externo multi-fachos. Além dos fachos baixo e alto (com adaptação de luz), os faróis também geram as luzes dinâmicas de conversão.

O módulo de lentes interno de facho plano é responsável ela chamada “iluminação de campo próximo”. Outro destaque dos faróis de projeção de LEDs são as luzes de condução diurnas com 32 LEDs. Sua assinatura consiste de dois módulos separados: um “U” grande (que incorpora esses dois módulos) e um “U” menor, que contorna os módulos multi-facho. Entre as luzes de condução diurna, o largo indicador (12 LEDs) enfatiza o desenho do farol. Os LEDs dos indicadores de direção estão colocados na parte interna do farol.

Os faróis de LEDs são complementados com o recurso Dynamic Light Assist (Assistente de Luz Dinâmico, DLA). Controlado por meio de uma câmera, o DLA detecta veículos trafegando em sentido contrário ou à frente do Novo Passat, coordenando a distribuição de luz dos faróis, evitando ofuscamento.

Seção traseira. O desenho do Novo Passat traz em sua traseira uma característica imediatamente perceptível: a forma da tampa do porta-malas, com uma seção negativa (para dentro), que se combina à seção larga e imponente dos “ombros”. As lanternas traseiras foram elaboradas de forma mais larga e leve.

Saídas de escapamento. Há paixão por detalhes em todo o Novo Passat. Um exemplo está na parte traseira: os contornos trapezoidais cromados das saídas de escapamento. Os refletores traseiros – também com forma trapezoidal – foram trabalhados de forma precisa nos pára-choques.

Luzes traseiras. O Novo Passat traz luzes traseiras todas em LED. Na versão Comfortline, as luzes traseiras e as funções de freio e indicadores de direção são realizadas na parte exterior dos módulos de luz. O segmento interno (tampa do porta-malas) integra as luzes de marcha à ré e lanternas de neblina.

A versão Highline traz conjunto ótico traseiro diferenciado. Durante a frenagem, a assinatura de luz na posição horizontal passa à posição vertical, causando efeito visual que chama a atenção dos demais condutores, contribuindo para a segurança do tráfego. Junto com as luzes traseiras e luzes de freio, os módulos de luz traseiros laterais também integram a luz indicadora. No módulo interno estão as luzes de direção e de neblina.

Design de interiores e detalhes

Ambiente exclusivo. Da mesma forma que no projeto exterior do Novo Passat, os designers de interiores elaboraram um interior cuja estética, clareza e percepção de alto valor são evidentes. Graças a inúmeras soluções de design, detalhes precisamente executados e tecnologias inovadoras, como o quadro de instrumentos digital ativo, o interior está mais moderno e multifacetado.

A Matriz Modular Transversal (MQB) tornou possível melhorar ainda mais o espaço interno. Embora o Novo Passat seja 2 mm mais curto do que o anterior, em seu interior o comprimento cresceu 33 mm. Agora os ocupantes do banco traseiro têm 116 mm de espaço para os joelhos, em relação aos bancos dianteiros.

O porta-malas também cresceu, ganhando 21 litros de capacidade para bagagens, agora totalizando 586 litros.

Saídas de ar em formato horizontal. A meta definida quando foi iniciado o desenvolvimento do Novo Passat, da criação de uma sensação de leveza e espaço generoso no interior, foi realizada pelos designers com um painel leve, com estrutura horizontal consistente – e os painéis de portas dianteiras também estão estilisticamente incorporados a essas premissas.

O elemento central de design no painel é a inovadora saída de ar, que se estende por toda a largura do interior e foi concebida como um elemento decorativo funcional. Não há ali saídas de ar separadas – mas sim um elemento contínuo somente interrompido pelos instrumentos e pelo relógio analógico, unificando forma e função. O claro caráter arquitetônico é criado pelo imponente comprimento das aletas cromadas integradas às saídas de ar, com um painel decorativo integrado abaixo. As dimensões das saídas de ar não afetam apenas a concepção do painel de instrumentos, mas também têm efeito positivo sobre o desempenho do controle de temperatura e acústica.

Iluminação ambiente. A região dos pés também é iluminada. Ao se acionar a ignição, a iluminação ambiente e dos instrumentos e interruptores é realçada; todas as outras fontes de luz são diminuídas para um nível pré-definido individualmente. Quando a ignição é desligada, todas as fontes de luz são acionadas novamente para simplificar a orientação.

Arquitetura orientada para o condutor. Os designers deram especial atenção à elaboração de um ambiente orientado ao motorista e de sensação de espaço. A partir do banco do motorista, o painel eleva-se para os dois lados dos instrumentos, inclinando-se ligeiramente para o pára-brisas. Isso cria sensação de espaço, além de colaborar para a perfeita ergonomia.O console central também tem formas extremamente limpas, é bem organizado e os controles são fáceis de acessar. O sistema de infotainment está integrado no alto do console e é fácil de ver; os controles de climatização são posicionados abaixo dele.



Buscar Outras Ofertas:


Cidade
Marca
Modelo
Versão
Ano
Até
Preço
Até


Lojista, seja um parceiro Clicar
19 3387.3411 | 19 7830.1637 | 55*115*20957 |
11 96487.6441
As melhores ofertas de carros zero km, novos e seminovos. Aqui você encontra Veículos usados de lojas e concessionárias em todo o Estado de São Paulo. Principais cidades:
AGUAÍ, ÁGUAS DA PRATA, ÁGUAS DE LINDOIA, ÁGUAS DE SÃO PEDRO, AMERICANA, AMPARO, ANALÂNDIA, ARARAS, ARTUR NOGUEIRA, CACONDE, CAMPINAS, CAPIVARI, CASA BRANCA, CHARQUEADA, CONCHAL, CORDEIRÓPOLIS, CORUMBATAÍ, COSMÓPOLIS, DESCALVADO, DIVINOLÂNDIA, ELIAS FAUSTO, ENGENHEIRO COELHO, ESPÍRITO SANTO DO PINHAL, ESTIVA GERBI, HOLAMBRA, HORTOLÂNDIA, INDAIATUBA, IPEÚNA, IRACEMÁPOLIS, ITAPIRA, ITIRAPINA, ITOBI, JAGUARIÚNA, LEME, LIMEIRA, LINDOIA, LOUVEIRA, MOCOCA, MOGI-GUAÇU, MOGI-MIRIM, MOMBUCA, MONTE ALEGRE DO SUL, MONTE MOR, NOVA ODESSA, PAULÍNIA, PEDREIRA, PIRACICABA, PIRASSUNUNGA, PORTO FERREIRA, RAFARD, RIO CLARO, RIO DAS PEDRAS, SALTINHO, SANTA BÁRBARA D'OESTE, SANTA CRUZ DA CONCEIÇÃO, SANTA CRUZ DAS PALMEIRAS, SANTA GERTRUDES, SANTA MARIA DA SERRA, SANTA RITA DO PASSA QUATRO, SANTO ANTÔNIO DE POSSE, SANTO ANTÔNIO DO JARDIM, SÃO JOÃO DA BOA VISTA, SÃO JOSÉ DO RIO PARDO SP, SÃO PEDRO, SÃO PAULO, SÃO SEBASTIÃO DA GRAMA, SERRA NEGRA, SOCORRO, SUMARÉ , TAMBAÚ, TAPIRATIBA, VALINHOS, VARGEM GRANDE DO SUL, VINHEDO, SANTOS, SÃO VICENTE, SANTO ANDRÉ, SÃO BERNARDO DO CAMPO, SÃO CAETANO DO SUL, JUNDIAÍ, JORDANESIA, CAJAMAR, CAMPO LIMPO PAULISTA, VÁRZEA PAULISTA, ATIBAIA, BRAGANÇA PAULISTA, JARINU, ITATIBA, MORUNGABA,ITUPEVA, LOUVEIRA, ARARAQUARA, RIBEIRÃO PRETO,FRANCA, SOROCABA, ITU, SALTO, SÃO JOSE DO RIO PRETO ENTRE OUTRAS.


A comercialização dos produtos anunciados bem como a garantia da procedência é de responsabilidade do anunciante, não sendo o site clicar seminovos responsável por qualquer dano direto ou indireto causado a terceiros pelas informações postadas já que a administração das postagens é feita pela loja anunciante. Caso o internauta tenha alguma reclamação de alguma postagem da loja ou particular poderá enviar um e-mail para portalautoshop@gmail.com que nós entraremos em contato com o anunciante e formalizaremos sua reclamação, podendo inclusive descredenciar o mesmo do site.